sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Outras opiniões

Numa fase em que os editoriais/artigos de opinião do jornal Record me vão deixando perplexo, aqui está uma opinião em que me revejo plenamente (e já não é a primeira vez que acontece com a pessoa em causa):

"O balanço da presidência de José Eduardo Bettencourt já está feito. O balanço da era Roquette também. Para o Sporting sair do buraco em que está, precisa de um presidente que não seja do círculo próximo do poder que tem governado o clube ou que, pelo menos, se tenha dele distanciado em momentos fundamentais. Os bons contactos junto da banca não só não podem ser um critério de escolha como a devem desaconselhar. A experiência mostra que a ligação umbilical das direções do Sporting à banca só cria dependência e promiscuidade. O Sporting precisa de um representante dos sócios junto dos credores, não do contrário. Dispensam-se igualmente os populistas de promessa fácil que não tenham credibilidade junto dos sócios."
Daniel Oliveira, no jornal Record

4 comentários:

Hugo Malcato disse...

"O Sporting precisa de um representante dos sócios junto dos credores"

Nem mais.

SL

Berde e Branco disse...

Caros amigos sportinguistas,

Gostava de saber a vossa opinião acerca dos seguintes nomes como possíveis candidatos à presidência do Sporting:

- Vicente Moura
- Moita Flores
- Hermínio Loureiro
- Joaquim Oliveira
- António Boronha

SL

Daniel Sociedade Sporting disse...

Hugo,

o Sporting tem esse representante; representa é sócios que parecem interessados em deixar a banca decidir o nosso futuro.

Irá a banca alterar o seu comportamento perante um presidente por si nomeado e legitimado nas urnas com cerca de 90% dos votos?

www.sociedadesporting.blogspot.com

JG disse...

Caro Berde e Branco, pela minha parte considero um insulto os nomes Herminio Loureiro e Joaquim Oliveira. Quantos aos outros nomes, considero António Boronha e Vicente Moura interessantes. Quanto a Moita Flores, talvez...