domingo, 28 de agosto de 2011

O Wrestling em Portugal

Acabadinho de chegar de Alvalade, estou dividido entre o desânimo e a revolta!

Desanimo pela derrota, mas também pelo clima negativo que se instalou. Alias, mais que a derrota, retenho a falta de confiança da equipa na sua propria capacidade. Devem responder por isso os dirigentes ao criarem um clima de euforia precipitado e tentarem fazer deste plantel o que ele não é! Criou-se uma pressão excessiva que irá agora provavelmente engolir treinador e dirigentes, quando o mais prudente teria sido diminuir as expectativas e tirar a pressão de cima de uma equipa que precisava de tempo para crescer! Agora, essa equipa provavelmente nunca irá surgir apesar de as bases individuais não serem más. Devem ainda reflectir os dirigentes como é que se fazem 15 contratações e continuamos com graves carencias no centro da defesa e no centro do ataque!A continuar assim, não me admirava de ver eleições daqui a um ano. E os dirigentes não se devem queixar se a maré de contestação subir a níveis insuportáveis! Quem colocou a fasquia a níveis onde ela não deveria estar foram eles! Com total inabilidade!

Sinto também uma grande revolta! Revolta porque os níveis de confiança da equipa podiam ser outros se houvesse um mínimo de justiça e sentido de decencia entre os escroques que apitam jogos de primeira categoria em Portugal! Mas se eu e muitos outros vamos perder metade do 13º mes este ano para pagar o que outros criminosos que ficaram impunes fizeram num buraco chamado BPN (alias, serão precisos vários decimos terceiros para pagar tudo) porque é que o futebol havia de ser diferente? Porque é que haveríamos de exigir mais de um canalha chamado Proença?

O mais espantoso é alguns "comentadores" e "jornalistas" quererem continuar a tocar a tecla de que eles erram porque são humanos e de que os malvados dos dirigentes é que são culpados porque incendeiam o ambiente! Hoje, foi mais um golo mal anulado e um penalty por marcar. Além de uma arbitragem que do primeiro ao ultimo minuto não escondeu ao que vinha. Das faltas aos cartões...A atitude do liner que anulou o golo foi exemplar. A bandeira subia sempre depois de avaliar bem as jogadas e as suas possiveis consequencias. Cirurgicamente...

Eles não escondem ao que andam e nas 3 primeiras jornadas, o saldo é já de 2 golos mal anulados, 2 penaltys por marcar, contra dois penaltys cirurgicos a norte, uma expulsão clara por conceder ao minuto dois de um jogo também a norte e contra um penalty contra por dar, um golo em fora de jogo concedido e uma cotovelada num adversarios sem cartão mais a sul.

A confiança da equipa podia hoje ser outra se as coisas tivessem sido limpas dentro do campo. Não são...Nem devemos esperar que sejam. E assim se fazem campeões...A nós resta-nos a revolta. Que não serve de muito...

Critiquem a equipa, critiquem o treinador, critiquem os dirigentes, mas defendam o Sporting! Não é possivel ficar de braços cruzados contra criminosos... Os criminosos devem passar a ser tratados como se fazia no antigo far-west. Porque é essa a sociedade em que hoje vivemos!

Aquilo a que hoje assistimos foi um deja vu. Depois da azia de Chaves, tivemos hoje a vingança do Proença e sus muchachos.

Vai a Direcção calar o que se passou? Se assim for, a cruzada das ultimas duas semanas não serviu de nada! Vão os socios defender o clube a apoiar a cruzada que deve contiunuar até ao fim?. Ou vão preferir destruir jogadores e treinador como nos ultimos 30 anos?

7 comentários:

Manuel disse...

Boas!

Acho que é importante ressalvar aqui que ontem o problema não foi a arbitragem mas sim a equipa, os que jogam e os que treinam.
Acho inadmissível que uma direcção, uma equipa técnica e 15 jogadores depois, tudo se mantenha. Revelamos exactamente as mesmas fragilidades, as defensivas e as atacantes, e mesmo com o esforço claro de alguns jogadores em mostrarem trabalho, a verdade é que a equipa como um todo continua à deriva, sem saber o que fazer em campo, sem haver um fio condutor claro.
Não esqueçamos uma coisa: desde que o João Moutinho saíu que não há ninguém a organizar o jogo do Sporting. Isso para mim é gravíssimo.

MRL disse...

E não termos um jogador que saiba marcar cantos?

E não termos um jogador que saiba cabecear nos cantos?

E termos vários jogadores que não sabem não estar em fora de jogo?

E termos em média 7 ou 8 jogadores em más condições fisicas?

E termos um treinador que em dois meses não conseguiu mudar nada!?

Albano disse...

O problema do Sporting é que a grande parte dos jogadores não tem tomates para jogador num clube com tamanha grandeza!

MRL disse...

Mas o probelma não é dos jogadores. É de quem os compra e de quem os põe a jogar, certo?

Anónimo disse...

Também é verdade.

O Yannicj e o Postiga já cá estavam...

Jogadores dignos dos distritais

MRL disse...

Já cá estavam, mas ficavam muito bem na bancada, ou vá lá, no banco na melhor das hipóteses.

Manuel disse...

Bom, nisto discordo de vocês, na medida em que não acho o Postiga mau de todo, está sim num mau período. Já o Djaló... bom não iria tão longe quanto as distritais, mas acho que talvez com um treinador a sério poderia ser potenciado e aprender umas coisas...